Mulher que consumia seis latas de energético por dia coloca marcapasso

A inglesa conta que a bebida fazia com que seu coração batesse rápido e depois ela desmaiava quando precisava de outra dose

Por PabloFerreira 13/05/2019 - 11:22 hs

Samantha Sharpe, uma britânica mãe de três crianças, aprendeu a duras custas que o consumo exagerado de energéticos não faz bem para a saúde. A mulher chegou ao ponto de beber seis latas da bebida por dia e teve tantos problemas cardíacos que precisou colocar um marcapasso aos 32 anos de idade.

O vício de Samantha durou cerca de quatro anos e só chegou ao fim quando ela começou a desmaiar e foi atrás de um médico para se tratar. A inglesa conta que a bebida fazia com que seu coração batesse mais rápido, causando palpitações, e depois ela desmaiava quando precisava de outra dose, chegando a registrar 20 batimentos cardíacos por minuto, segundo o jornal local Leicestershire Live.

“Eu tinha dores de cabeça, ficava mau humorada e precisava de outro energético para me manter em movimento”, conta Samantha. “Eu procurei um médico porque continuava desmaiando em casa. Tive um bloqueio cardíaco e, em fevereiro do ano passado, precisei colocar um marcapasso para ajudar meu coração a funcionar”, explicou Samantha.

Ela também teve pedras no rim e estava pré-diabética devido a grande quantidade de açúcar que consumia diariamente. “Os médicos não descobriram o que causou isso, mas disseram que beber energéticos não ajudou no quadro”, conta a britânica.

Samantha diz que não desmaia mais, e seu coração parou de pular batidas, como fazia enquanto bebia energéticos. Ela precisa ir ao médico de seis em seis meses, e o marcapasso tem que ser substituído a cada 10 anos.

Jornalista: Luisa Ikemoto

Fonte: Metrópoles